Campanha tem o objetivo de informar e prevenir o suicídio

Desde 2014, a Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) e o Conselho Federal de Medicina (CFM) organizam o setembro amarelo no Brasil. Uma campanha para prevenção do suicídio.

A escolha do mês se da pelo fato do dia 10 de setembro ser oficialmente, o Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio. Mas os cuidados a saúde mental e a prevenção deve acontecer durante todo o ano. Nesse ano, 2022, a temática escolhida é “A vida é a melhor escolha!”.

Esse é um assunto de extrema importância, que é bastante corriqueiro, em nossa sociedade, mas que permanece, na maioria das vezes, silenciado. Mas quando entramos em dados e estáticas sobre o assunto percebemos que são alarmantes.

Dados sobre suicídio

Dados divulgados na última pesquisa realizada pela Organização Mundial da Saúde – OMS em 2019, são registrados mais de 700 mil suicídios em todo o mundo, sem contar com os episódios subnotificados, pois com isso, estima-se mais de 01 milhão de casos. No Brasil, os registros se aproximam de 14 mil casos por ano, ou seja, em média 38 pessoas cometem suicídio por dia. 

Um dado informado pela ABP e o CFM aponta que as taxas variam entre países, regiões e entre homens e mulheres. No Brasil, 12,6% por cada 100 mil homens em comparação com 5,4% por cada 100 mil mulheres, morrem devido ao suicídio. As taxas entre os homens são geralmente mais altas em países de alta renda (16,6% por 100 mil). Já as mulheres as taxas mais altas são em países de baixa-média renda (7,1% por 100 mil).

Eles também relatam o fato de que mundialmente, a taxa de suicídio está diminuindo, com a taxa global diminuindo de 36%, diminuições variando de 17% na região do Mediterrâneo Oriental a 47% na região europeia e 49% no Pacífico Ocidental. Mas na Região das Américas, as taxas aumentaram 17% no mesmo período entre 2000 e 2019. 

Setembro Amarelo – A vida é a melhor escolha

E de extrema importância que abordemos esse tema em nossa sociedade não somente no mês de setembro, mas sim ao longo de todo ano. E necessário conscientizar a todos a nossa volta da importância que a vida tem, e falando sobre o tema abrimos espaço para quem está precisando de ajudar, passando por momentos difíceis ou tendo crises entenda que não está sozinha e procure por ajuda.

A decisão de acabar com a sua vida, faz com que os sentimentos, pensamentos e ações sejam constantemente voltadas para o suicídio. A pessoa fica incapaz de perceber que existem outras opções de passar e vencer o problema, elas passam por uma distorção que a dor emocional impões sobre elas.

Por isso é tão importante se informar sobre o tema e falar sobre ela, para que consigamos identificar quando alguém a nossa volta está com pensamentos suicidas e precisando de ajuda. E necessário saber termos uma escuta ativa e principalmente sem julgamentos, mostrar que estamos aqui para acolher e contribuir, mas principalmente é necessário levar ao médico psiquiatra, que vai saber como manejar a situação e salvar esse paciente.

Se você gostou desse conteúdo acesse o #blogsensu ele está cheio de notícias e conteúdos de estudo. E se quer iniciar a construção de seu futuro venha conhecer os nossos cursos!!


0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado.