05 de setembro é comemorado o Dia da Amazônia!

Uma data para lembrar a importância de um dos patrimônios naturais mais valiosos de toda a humanidade, além da maior reserva natural do planeta.

O dia foi escolhido em homenagem ao Príncipe Dom Pedro II, que em 1850, decretou a criação da província do Amazonas (atual estado do Amazonas).

Com sete milhões de quilômetros quadrados, a Floresta Amazônica é fundamental para o equilíbrio ambiental e climático do planeta. Segundo a secretaria geral do WWF-Brasil, o trabalho de conservação na região, é pautado no desenvolvimento sustentável do bioma.

A Amazônia é importante fonte de biodiversidade da fauna brasileira, com cerca de 400 mamíferos e 1.300 aves em toda a região. Além disso, possuem cerca de 40 mil espécies de plantas diferentes, e os rios amazônicos constituem a maior bacia hidrográfica do planeta.

Desmatamento na Amazônia

Um dos problemas que Amazônia sofre constantemente é o desmatamento. Com o avanço da soja e pecuária, além da extração ilegal de madeira, milhões de metros quadrados já foram desmatados para realização dessas atividades.

Segundo dados do IPAM (Índice de Pesquisa Ambiental na Amazônia), o desmatamento na região registrou recorde em 2022, acumulando de janeiro a junho, cerca de 3.988 km². Apesar das atividades de soja e pecuária serem importantes, esse desmatamento pode ser maléfico para as condições climáticas, pois a Amazônia é peça fundamental desse controle.

10 Curiosidades

  1. Um pequeno país: Com cerca de 5.500 quilômetros quadrados, se a Amazônia fosse um país, seria o sétimo maior do mundo, ficando atrás da Austrália (7.692 km²) e à frente da Índia (cerca de 3 mil km²).
  2. Povo Indígena:  Um dos maiores símbolos da Amazônia são as tribos indígenas, presentes na região muito antes do Brasil ser colonizado. Atualmente, os maiores grupos de índios da Amazônia são os Guaranis, Xerentes, Amawákas, Anambés, Kambebas e os Aruá. No entanto, há mais de 200 diferentes etnias espalhadas por todo o Brasil.
  3. Rio Amazonas: Ele lança ao mar aproximadamente 175 milhões de litros de água por segundo.
  4. Extensão Territorial: A Floresta Amazônica compõe ao todo nove estados do país: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Roraima, Rondônia, Tocantins e parte do Maranhão e do Mato Grosso e corresponde a 49,29% do território brasileiro.
  5. Flora aquática: Na Amazônia são encontrados duas espécies de botos, conhecidos como golfinhos de água doce: o cor-de-rosa e o boto-preto. Além disso, nos rios amazônicos, concentram-se cerca de 85% dos peixes de toda a América do Sul.
  6. Super peixes: Na Amazônia é onde se encontra o maior número de peixe elétrico. Capaz de produzir descargas que variam entre 300 e 1.500 volts, suficiente para matar um cavalo, a espécie chega a medir três metros e podem pesar 30 quilos.
  7. Diversidade: Amazônia é o maior bioma brasileiro, e maior bacia hidrográfica é a maior do mundo. A Amazônia é tão cheia de vida que os exploradores têm descoberto novas espécies de plantas ou animais quase que diariamente.
  8. Desmatamento: De acordo com o Greenpeace, a cada minuto, uma área equivalente a dois campos de futebol é desmatada na Amazônia.
  9. O maior manguezal: A costa amazônica possui o maior número de manguezais no Brasil, sendo que aproximadamente 80% dos manguezais do país se encontram na região e abriga uma gigantesca quantidade de deposição de material lamoso cheio de nutrientes.
  10. Areias do deserto: a floresta Amazônica recebe areia do deserto do Saara, que viajam através dos ventos e levam para a florestas minerais que fertilizam o solo. Aproximadamente 2,7 milhões da poeira do deserto do Saara se depositam na bacia amazônica.

Se você gostou desse conteúdo e quer ler mais sobre datas importantes acesse nosso blog e conheça também nosso site e nossas várias opções de cursos.

Categorias: Diversos

0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado.